Umas das coisas que me surpreendeu durante minha viagem foi que eu não tive nenhum problema com a altitude como tanta gente reclamou. Pelo menos não nos primeiros 6 dias, foi em Machuca, uma aldeiazinha no meio do nada que eu tive os famosos sintomas causados pela altitude, e acreditem, durante toda a minha viagem essa foi a única vez que passei mal.

sendo observada por uma Vicuna curiosa

Machuca é uma aldeia bem pequeninha, visitamos ela logo depois que saímos dos Geysers . No caminho para a aldeia eu comecei a me sentir mal, enjoo, tontura, dor de cabeça  e mal-estar. Não tenho fotos da vila porque a única coisa que eu queria era ficar sentada e torcer para aquela sensação passar.  Não consegui comer as famosas folhas de coca que dizem que ajudam nesses sintomas, eu ficava ainda mais enjoada se tentasse.

Na aldeia existe uma casinha de madeira bem simples, onde você pode comprar espetinho de carne de Lhama ou um tipo de pastel com queijo que também vem de Lhama. Comi um pastel porque eu estava com muita fome, mas senti meu estomago embrulhar ainda mais. Gente, sério, era MUITA gente comprando espetinho de Lhama e esse pastel, nem sei como é que tem tanta Lhama assim pra produção desse tanto de comida.

Logo na frente de onde vendem os espetinhos, tem um “pasto” bem diferentão, com umas plantinhas bem aamrelinhas e que estava cheinho de Vicuñas, foi muito legal ver elas bem de pertinho

Na aldeia você também pode irar fotos com Lhamas. Um senhorzinho cobra 3000 pesos por três fotos, tirei foto nao vou negar maaaaaas bateu um arrependimento, porque fiquei com muita dó da lhamazinha que ficava lá. Todo mundo em cima, gritando, apertando, puxando ela =( O senhorzinho disse que o dinheiro das fotos era pra ele comprar comida pra ela (não me convenceu muito, mas ok )

A vista por lá também era algo incrível.  Mesmo me sentindo mal consegui aproveitar um pouquinho dessa aldeia, vi muitos bichinhos e aproveitei o visual para tirar várias fotos.